Grávidas | NOTÍCIA

O que o seu bebê pode sentir durante o período que ele está na sua barriguinha?

O pequeno pode sentir emoções, movimentos e até gosto.

Publicado em 03/04/2017

Marcela Lima

Marcela Lima - Conteúdo Somos Mães Agência Digital

Somos Mães de Primeira Viagem
compartilhamento:
  • Compartilhar no Facebook
  • Twittar
  • Compartilhar no Google Plus
O que o seu bebê pode sentir durante o período que ele está na sua barriguinha?
Quem é mamãe ou está grávida costuma conhecer o bebê muito bem, mesmo quando ele ainda está dentro de sua barriguinha. Muitas mulheres dizem que seus pequenos correspondem a uma série de estímulos. Saiba que elas estão corretas, o bebê sente tudo que passa com a mamãe, emoções, tom de voz e as reações. 

 
E essa sensibilidade é importante para o desenvolvimento emocional do bebê no futuro. Conheça outras coisas que o seu pequeno pode sentir ainda dentro de sua barriguinha:
 
  • No segundo trimestre da gravidez o bebê desenvolve o seu senso de equilíbrio, por isso, ele consegue sentir quando a mamãe se mexe. Isso é ainda mais perceptível para ele quando a mãe está praticando alguma atividade física;
  • Ainda no primeiro trimestre o bebê consegue sentir as batidas do seu coração;
  • A partir da 18ª semana de gravidez o seu pequeno já consegue te ouvir. Assim, ele começa a criar um vínculo afetivo com as vozes que costuma escutar e após o nascimento ele pode até reconhecer esses sons;
  • Aos 4 meses de gravidez o bebê já está com seu tato um pouco desenvolvido, por isso, ele consegue sentir o carinho que você faz em sua própria barriga;
  • Sabe aquela história de que gestante não pode passar nervoso? É real, quando a mãe passa por um quadro de estresse ou ansiedade ela libera uma descarga de adrenalina que pode chegar até o bebê e acelerar seus batimentos cardíacos;
  • Quando você está muito feliz o pequeno também sente isso. Ele sente toda a energia através de hormônios que são liberados pelo seu corpo em um momento de felicidade;
  • É a partir da 9ª semana que o bebê começa a sentir o gosto do líquido amniótico, e esse sabor muda de acordo com a alimentação da mãe. O pequeno pode até fazer caretas quando o líquido não lhe agradar. 
compartilhamento:
  • Compartilhar no Facebook
  • Twittar
  • Compartilhar no Google Plus