Tentantes | NOTÍCIA

Entenda a doação de óvulos

Técnica é indicada para mulheres com problemas de fertilidade.

Publicado em 17/11/2017

Laís Bola

Laís Bola - Conteúdo Somos Mães Agência Digital

Somos Mães de Primeira Viagem
compartilhamento:
  • Compartilhar no Facebook
  • Twittar
  • Compartilhar no Google Plus
Entenda a doação de óvulos

A ovodoação (doação de óvulos) é uma das técnicas que permitem que mulheres com dificuldade para engravidar se tornem mães com óvulos doados por outra mulher, que serão fertilizados pelo sêmen do marido da primeira ou de um doador.

 

De acordo com o especialista em reprodução humana da Clínica Mãe, dr. Alfonso Massaguer, é indicada para mulheres que não produzem óvulos, com idade avançada, que tiveram diminuição do potencial de fertilização ou que são portadoras de genes determinantes de doenças graves.

 

No Brasil, a doação de óvulos é permitida e regulamentada pelo Conselho Federal de Medicina (CFM) e nunca pode envolver dinheiro, além disso, as identidades, tanto de doadoras quanto receptoras, são mantidas em sigilo.

 

Quem pode doar?

 

A escolha das doadoras deve seguir os critérios abaixo, citados por Dr. Alfonso:

 

- Idade entre 18 e 35 anos;
- Histórico negativo de doenças genéticas transmissíveis;
- Sorologias de doenças sexualmente transmissíveis negativas;
- Tipagem sanguínea compatível com a da receptora (exceto se a receptora não se importar);
- Boa reserva ovariana.

 

Como funciona? 
Fonte: Clínica Mãe

 

Para haver a ovodoação é realizada uma consulta para recolhimento de dados físicos e amostra de sangue da mulher, enquanto o sêmen do homem é coletado e congelado.

 

A doadora de óvulos deve ter características genéticas similares à da mulher que receberá os óvulos, tais como etnia, grupos sanguíneos, estatura, cor de pele, cor dos cabelos e dos olhos. Após essa etapa, inicia-se a preparação do endométrio da receptora uma ou duas semanas antes da transferência prevista dos embriões.

 

Após aspirar os óvulos da doadora e injetá-los nos espermatozóides conservados, ocorre a transferência dos embriões para a paciente, que ocorre entre o terceiro e quinto dia após o desenvolvimento embrionário. Há ainda a possibilidade de congelar os embriões para que a transferência seja programada.

 

A Clínica Mãe tem os melhores profissionais especialistas em reprodução humana e uma equipe completa para te atender. Não se esqueça de mencionar a Somos Mães de Primeira Viagem para garantir um presente especial.

compartilhamento:
  • Compartilhar no Facebook
  • Twittar
  • Compartilhar no Google Plus